Aventura consciente – Os 7 princípios do mínimo impacto

Você conhece os 7 Princípios do “Leave No Trace” (ou “Não deixe rastros“)? Conheça a seguir as melhores práticas que devemos seguir para aproveitar e proteger nossos espaços naturais sem preocupação. Antes de pegar a mochila e partir para a aventura anote essas dicas:

1. Planeje e prepare-se com antecedência.

O planejamento é seu melhor amigo nesse momento. Quando você está bem  preparado, é menos provável que ocorram problemas. Então, leia todas as orientações até o final. 

Pesquise sobre o destino, leia curiosidades e tire suas dúvidas com nossa equipe. Providenciamos todo material e suporte para que você esteja bem preparad@ para sua aventura. Revise o cronograma dia-a-dia, as sugestões para cardápio de refeições e o check-list de equipamentos, dessa forma você garante mais segurança para você e para o grupo.

Dicas chave:

  • Leia atentamente o documento da reserva e o termo de participação, incluímos as informações essenciais sobre sua viagem.
  • Tenha certeza de que você dispõe do equipamento apropriado para cada atividade e que sabe utilizá-lo. Nossa equipe pode te ajudar em caso de dúvidas;
  • Revise seu equipamento, evite excessos e adeque sua bagagem de acordo com as condições climáticas e características do destino;
  • Seu condicionamento físico deve estar alinhado com as atividades propostas no roteiro/cronograma. 
  • No dia da viagem siga as orientações d@ gui@ e dos monitores.

2. Viaje e acampe sobre superfícies duráveis.

A Okê proporciona diversos roteiros para desfrutar de uma incrível experiência em camping selvagem na mata, mas para isso precisamos seguir algumas recomendações. Bons locais de acampamento são encontrados, não construídos. Ao chegar no local de do acampamento nossa equipe irá orientar sobre as áreas demarcadas para este fim, evite abrir novos espaços e priorize terrenos resilientes como rochas, cascalho e grama seca para montar sua barraca.

Dicas chave:

  • Grupos menores se harmonizam melhor com a natureza e causam menos impacto, evite dispersão;
  • Durante o deslocamento ande em fila única mantendo-se no meio da trilha, mesmo se ela estiver molhada, lamacenta ou escorregadia.
  • Não crie marcações ou sinalizações e NUNCA abra novas trilhas.
  • Mantenha-se próximo da área de acampamentos e evite dispersão de barracas; Evite acampar em áreas próximas (60 metros) de nascentes, lagos e córregos;
  • Evite áreas que estão se recuperando;
  • Não cave valetas ao redor das barracas: escolha melhor o local, de modo que a água escorra naturalmente. As valetas vão gerar erosão e danificar o meio-ambiente.

3. Descarte os resíduos de maneira apropriada.

Não deixe nada para trás, tudo que estamos levando para a natureza deve ser trazido de volta, isso vale para embalagens, restos de alimentos ou qualquer outro material que não seja daquela região. Tudo que vai volta!

Em muitos roteiros estaremos imersos em uma região de mata com comunidades caiçaras/ribeirinhas bem próximas, é nosso dever preservar este ambiente para não prejudicar as comunidades e biodiversidade local.

Dicas chave:

  • Você é responsável pelo seu resíduo e também pelo que é gerado pelo seu parceiro de viagem. Deixe sempre o local mais limpo do que o encontrado;
  • Diminua a quantidade de lixo deixando em casa as embalagens desnecessárias;
  • Essa regra também vale para as cascas, miolo e sementes de frutas, elas não são adubo e podem prejudicar a fauna e flora local;
  • Este princípio também se aplica à resíduos humanos e água de enxágue. Recomendamos o uso de shit-tube para não deixar as fezes na natureza, utilize-o seguindo as orientações adequadas;
  • Quando precisar urinar, evite fazer isso em cima da vegetação, abra um espaço com os pés na serapilheira, faça sua urina nesse local aberto e em seguida cubra-o de volta. Evite urinar nas rochas e sempre se certifique de que esteja longe de um rio ou curso de água;
  • Papel higiênico e produtos de higiene devem ser embalados e recolhidos, nunca deposite ou enterre na natureza;
  • Para lavar a si ou a sua louça, transporte a água a 60 metros de distância de riachos ou lagos e use pequenas quantidades de sabão biodegradável.

4. Deixe o que você encontrar

O ditado “tire apenas fotografias, deixe apenas suas pegadas e leve apenas suas memórias” ainda permanece, embora deixar menos pegadas seja ainda melhor.

Dicas chave:

  • Resista à tentação de levar “lembranças” para casa. Deixe pedras, artefatos, flores, conchas etc. onde você os encontrou, para que outros também possam apreciá-los.
  • Não construa qualquer tipo de estrutura, como tótens, bancos, mesas, pontes etc. Abrigos improvisados somente em caso de sobrevivência. Não quebre ou corte galhos de árvores, mesmo que estejam mortas ou tombadas, pois podem estar servindo de abrigo para aves ou outros animais.

5. Minimize o uso de fogueiras.

Sempre utilizaremos fogareiro à gás para realizar o preparo de alimentos quentes evitando assim os danos e riscos causados pelas fogueiras. Por que?

Dicas chave:

  • Fogueiras enfraquecem o solo e representam uma grande risco de incêndios florestais;
  • Os fogareiros modernos são leves e fáceis de usar;
  • Para iluminar utilize lanternas em vez de uma fogueira.

6. Respeite a vida selvagem.

Lembre-se que estaremos adentrando em uma região de mata, o ambiente natural da vida selvagem. Mantenha-se junto ao grupo, cuidado onde pisa ou toca e evite proximidade com os animais. Você e a vida selvagem desfrutam mais de encontros através das lentes de de zoom da câmera ou observando com binóculos.

Dicas chave:

  • Observe a vida selvagem à distância. Não os siga e não se aproxime. Nossa equipe estará atenta para prestar toda ajuda necessária em caso de aparição de animais silvestres, contato com plantas ou animais venenosos e peçonhentos. 
  • Nunca alimente animais. Alimentar a vida selvagem prejudica sua saúde, altera comportamentos naturais e os expõe a predadores e outros perigos.
  • Proteja a vida selvagem e sua comida armazenando seu alimento e lixo com segurança.
  • Evite a vida selvagem em períodos sensíveis: acasalamento, nidificação, criação de filhotes ou inverno.

7. Tenha consideração com os outros visitantes.

O lema “trate os outros da maneira que você gostaria de ser tratado” também é uma regra que se aplica ao ar livre. Devido a situação de pandemia causada pelo COVID19 devemos ser mais cuidados e zelar também pela saúde dos moradores locais. Por mais que uma conversa e seja prazerosa e gere trocas inspiradoras, evite o contato e aproximação visando manter o distanciamento social.

E ainda, com o intuito de evitar aglomerações e minimizar o impacto de nossas expedições, viajaremos com grupos estarão reduzidos. Durante o deslocamento mantenha-se junto ao grupo sempre respeitando o distanciamento de 1,5m entre cada um.

Dicas chave:

  • Respeite os outros visitantes e proteja a qualidade de sua experiência.
  • Que os sons da natureza prevaleçam: ande e acampe em silêncio, preservando a tranquilidade e a sensação de harmonia que a natureza oferece. Deixe rádios e instrumentos sonoros em casa. 
  • A Okê valoriza e fomenta a economia local, por isso sempre valorizamos a experiência de um guia local, desse modo colaboramos para que os recursos financeiros permaneçam na comunidade, contribuindo para uma melhor manutenção das trilhas, além de sua expertise local e conhecimentos que enriquecem sua experiência.

Exta: Explore com segurança.

  • Antes da viagem não se esqueça de informar corretamente sua ficha de anamnese com todas as informações importantes sobre sua saúde.
  • Faça check-up de sua saúde frequentemente com um médico de confiança.
  • Além do seguro de aventura, você conta com todo suporte e experiência de nossa equipe. Dispomos de kit e técnicas de para primeiros socorros em caso de acidentes. 
  • Fique atento,  sigas as regras e recomendações da equipe e não se arrisque sem necessidade. O salvamento em ambientes naturais é caro e complexo, podendo levar dias e causar grandes danos ao ambiente.
  • Nosso deslocamento estará sendo monitorado constantemente via GPS, por isso fique tranquilo. Recomendamos informar seus contatos de segurança e deixá-los cientes sobre os detalhes da viagem.

Quer mais dicas e roteiros incríveis para se tornar um aventureiro expert? Então segue nosso perfil no Instagram @okeaventura que em breve traremos mais conteúdos interessantes para você se aventurar!

Referências:

  • JASPER 
  • Casa de aventura
  • Aventura ao ar livre – Blog

About Author

client-photo-1
Jessiane Rosa

Comments

Keli Silveira
7 de março de 2021
Excelente post! 👏👏👏
Curso De Auriculoterapia
10 de abril de 2021
Aqui é o Felipe Almeida, gostei muito do seu artigo tem muito conteúdo de valor parabéns nota 10 gostei muito.
Bruna Souza
15 de abril de 2021
Adorei o conteúdo do site e as dicas. Vou voltar mais vezes. Parabens
6 de maio de 2021
Obrigado.
Roberto
19 de abril de 2021
Seu site é muito bom, gostei das postagens e já salvei aqui nos Favoritos.
Trafego Barato
20 de abril de 2021
Me chamo Roberto e Seu site é muito bom, gostei das postagens e já salvei aqui nos Favoritos.
26 de abril de 2021
Aqui é a Carla Da Silva, gostei muito do seu artigo tem muito conteúdo de valor parabéns nota 10 gostei muito.
editor de video
7 de maio de 2021
excelente materia,sem duvida agora sim tirou minha dúvida.
Curso De Vigilante
11 de maio de 2021
Aqui é a Fernanda Lima , gostei muito do seu artigo tem muito conteúdo de valor parabéns nota 10 gostei muito.
Wendi
11 de agosto de 2021
Aw, this was an exceptionally nice post. Taking the time and actual effort to make a great article… but what can I say… I hesitate a whole lot and never seem to get anything done. PT: Ah, este foi um post excepcionalmente agradável. Tomando o tempo e esforço real para fazer um grande artigo... mas o que posso dizer... Eu hesito muito e nunca consigo fazer nada.

Deixe um comentário